segunda-feira, 8 de dezembro de 2014

'Pai dos videogames', Ralph Baer morre aos 92



Considerado o "pai dos videogames", morreu neste domingo (7) aos 92 anos de idade. Nascido na Alemanha, o cientista e inventor criou o Magnavox Odyssey, conhecido como o primeiro console doméstico.

O aparelho foi comprado pela Magnavox em 1971, e um ano mais tarde lançado publicamente.
Ralph Baer também é creditado como o inventor do jogo de memória Simon, que ficou popular no Brasil durante a década de 1980 sob o nome Genius.

Além de ter recebido o título de "pai dos videogames", Baer foi premiado como um pioneiro ao longo de sua vida. Ele recebeu dois prêmios distintos do Instituto de Engenheiros Eletricistas e Eletrônicos (IEEE) e o prêmio de pioneiro da Game Developers Conference em 2008. Em 2006, ele recebeu das mãos do então presidente norte-americano George W. Bush a Medalha Nacional de Tecnologia e Inovação.

A confirmação do falecimento veio por parte do site Gamasutra. O cientista deixou para trás três filhos e mais de 150 patentes registrados em seu nome.

Surgimento da ideia

Em 1966, o então funcionário de uma empresa de aparelhos eletrônicos no estado de New Hampshire, EUA começou a explorar a ideia de jogar games na TV. Ao lado de dois companheiros, Bill Harrison e Bill Rusch, ele criou uma série de protótipos que culminaram com o modelo inicial do Odyssey.
Baer também foi responsável pela criação de uma pistola de luz, parte do pacote "Shooting Gallery", que foi o primeiro periférico lançado para um console de games.
O sucesso do Odyssey inspirou uma série de empresas concorrentes, como a Atari de Nolan Bushnell. Inspirado pelo "Table Tennis" de Baer, Bushnell viria a criar o celebrado "Pong".


O pioneiro

Grande sucesso na década de 1970, o Magnavox Odyssey recebeu 27 diferentes games ao longo de sua existência, distribuídos em 12 cartuchos. 330 mil cópias do console foram vendidas - número que, na época, garantiu que várias outras empresas passassem a se interessar pelo mercado de consoles caseiros.

Dentre os títulos lançados para a plataforma estavam "Tennis", "Brain Wave", "Ski", "Wipeout", "Simon Says" e "Shootout".

Fortalecida pelo sucesso de "Pong", a Atari lançou o 2600 e tornou o Odyssey obsoleto. Baer, porém, continuou trabalhando como inventor. Em 1978, ao lado de Howard J. Morrison, ele criou o jogo de memória eletrônico Simon, que obrigava os usuários a memorizarem uma sequência de cores para depois pressionar os botões na ordem correta.

Com o passar dos anos, Baer se mostrou incomodado por quão violentos os games tinham se tornado. "Eu acho isso uma vergonha. O que eu criei se tornou uma abominação. Você vê a mesma coisa na música, na literatura, na arte - em todas as formas de arte", disse o cientista em entrevista à Salt Lake Tribune em 2011.

Em um perfil publicado pelo site Vice na ocasião de seu 90º aniversário, o cientista revelou que ainda mantinha uma pequena oficina em sua casa na cidade de Manchester, em New Hampshire, onde ele trabalhava em pequenas novas invenções.



Via: UOL Jogos

quarta-feira, 3 de dezembro de 2014

Projeto ambicioso quer transformar Game Boy original em console HD




















Um novo projeto começou no Kickstarter, que quer transformar o Game Boy original em um console Full HD. Ele ainda será o clássico Game Boy, mas com alguns cabos que permitem que ele seja conectado na TV e também em um controle de NES. 

É claro que o projeto não consiste em transformar os gráficos do portátil, e sim ajustar os jogos do Game Boy na resolução dos jogos em HD, ajustando a imagem do jogo em sua televisão.  e várias paletas de cores podem ser trocados dentro e fora também.

Esse projeto ambicioso está em financiamento no Kickstarter, e a ideia é arrecadar €65.000 e atualmente o projeto já conta com mais de 120 colaboradores.



Via: A Casa do Cogumelo

segunda-feira, 1 de dezembro de 2014

Os jogos mais vendidos dos últimos 30 anos

























































Via: AcidCow